Revista Vidas Raras – Edição 13 – Abril – Junho 2017

O MUNDO ESTÁ AO CONTRÁRIO E NINGUÉM REPAROU ?

A música Relicário foi um sucesso musical no Brasil lançado no início dos anos 2000 na voz da saudosa cantora Cássia Eller, embora tenha sido composta por Nando Reis. Apesar de passados quase 20 anos
de seu lançamento, o trecho da música que dá título a este editorial infelizmente continua bastante atual.
Aliás, em vista das notícias que diariamente chegam pela imprensa, pelas conversas de padaria e,
principalmente, pelas redes sociais, o mundo está realmente ao contrário.

É triste olhar para a situação atual dos nossos pacientes que estão – dia após dia – sendo desassistidos pelas políticas públicas e, agora, também pelo sistema judiciário. É triste, desconfortável e constrangedor estar na pele de pedinte, tendo uma Constituição Federal que na teoria é maravilhosa, mas que na prática não se aplica. Pensando bem… talvez haja uma diferença sutil na frase da música para a realidade atual. As pessoas estão reparando neste mundo ao contrário! Aos poucos, estamos tomando consciência. Aos poucos, percebemos o quanto unidos somos mais fortes. Aos poucos, percebemos o quanto é importante e necessário lutar pelos nossos direitos. Seguiremos assim.

Não descansaremos enquanto, por ora, este mundo estiver ao contrário. Não descansaremos enquanto pessoas estiverem morrendo sem assistência.

Nova direção

Aproveito para informar a todos que foi eleita a nova diretoria do Instituto Vidas Raras. A presidência da entidade ficará á cargo do Padre Felipe Negro, a quem desejo toda sorte do mundo.

Tenho certeza que será feito um ótimo trabalho.

Boa leitura

REGINA PRÓSPERO
Presidente do Instituto Vidas Raras

Faça o download da Revista Vidas Raras, clicando abaixo :
Revista Vidas Raras – Edição 13 – Abr-Jun 2017

Deixe uma resposta